Buscar
  • Jornal Carangola

Carangola em ESTADO DE ALERTA pelas fortes chuvas. De acordo com a prefeitura há risco de enchentes

A presença da Zona de Convergência do Atlântico Sul (ZCAS) em grande parte da região Sudeste é a principal responsável pelo fim de semana chuvoso que chega na Zona da Mata e Vertentes. O Instituto Nacional de Meteorologia, nesta sexta-feira (7), fez alerta de grande perigo pelo acumulado de chuva e pelas chuvas intensas nas regiões. As temperaturas na Zona da Mata devem variar entre 18°C e 26°C no sábado e no domingo entre 17°C e 24°C. Com relação à umidade relativa do ar, na Zona da Mata a previsão é que fique acima de 80% no sábado e domingo. Já no Campo das Vertentes, acima de 70% no sábado (8) e 50% no domingo (9). O aviso emitido pelo Inmet alerta sobre a possibilidade de chuva superior a 60 mm/h ou acima de 100 mm/dia, com grande risco de alagamentos e transbordamentos de rios, deslizamentos de encostas, em cidades das regiões entre 9h45 desta sexta-feira (7) até 10h de sábado (8), com a possibilidade de ser estendido. O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais INPE – através do Centro de previsões de tempo e estudos climáticos CPTEC, nesta última quinta feira 06 de janeiro, emitiu 02 notas de Previsão probabilística #02547 e #02548.


O primeiro alerta do INPE|CPTEC, #02547 é sobre o Acumulado de Chuva 50mm, que tem início nesse dia 07/01/2022 ás 12:00 e com término no dia 08/01/2022 12:00. O documento informa a Probabilidade de ocorrência de acumulado de chuva maior ou igual a 50 mm em 24 horas não necessariamente associada a tempestades convectivas. Tabela - Probabilidades de ocorrência para chuva excessiva. Tipo de evento: Chuva excessiva. Logo seguida o aviso, foi emitido o segundo Alerta #02548. Que alerta sobre a probabilidade de Chuva intensa no período de 06/01/2022 das 12:00 a 07/01/2022 12:00. De acordo com o documento, para delimitação das probabilidades de chuva intensa será considerado o limiar de chuva acumulada maior ou igual a 30 mm em 1 hora. Critérios para previsão probabilística: Como a probabilidade de um ponto qualquer registrar tempo severo é baixa por natureza, em vez de utilizar um ponto define-se uma área em volta do ponto com raio de influência de 40 km, semelhante ao utilizado em outros países. Portanto, está sendo estimada a probabilidade de um registro de tempo severo ocorrer até 40 km de distância de um ponto dentro da área. Tabela - Probabilidades de ocorrência para chuva intensa. Tipo de evento Tempestades não severas. Chuva intensa.

Previsão probabilística #02547
.pdf
Download PDF • 210KB

Previsão probabilística #02548
.pdf
Download PDF • 243KB

Prefeitura de Carangola e Defesa Civil

A Prefeitura de Carangola fez um comunicado através de vídeo em suas redes sobre a previsão de chuvas para Carangola. De acordo com o informativo, através do monitoramento realizado pela Defesa Civil, foi possível ter as informações via satélite a respeito da previsão do tempo para Carangola e região. Segundo a análise da Defesa Civil, foi confirmado a previsão de um volume elevado de chuvas na região nos próximos dias. A publicação pede que a população se mantenha atenta e alerta em caso de chuva constante e volumosa. Serão postados boletins permanentes sobre o nível do Rio Carangola. Deve-se atentar também a áreas de encostas, barrancos e morros. Como o solo está muito encharcado, fica mais vulnerável.

No boletim divulgado ontem (5), a Prefeitura de Carangola alertou a população para o risco de enchente nos próximos dias. A Defesa Civil tem feito o monitoramento dos perigos de chuvas intensas na região e avisou que as fontes oficiais da Cemig fizeram a seguinte previsão de acumulado para esta quinta-feira (6):

Orizânia - 16.0mm Divino - 16.0mm Carangola - 6.7mm

Na quarta-feira, a equipe da Defesa Civil de Carangola realizou a instalação de um pluviômetro na cidade de Orizânia (MG) com a finalidade de ter o máximo de informações possíveis em relação ao nível de chuva previsto para a região. "Temos uma previsão de um volume de chuva considerável para os próximos dias e pedimos a atenção redobrada dos moradores de áreas ribeirinhas e áreas de risco”, disse comunicado da prefeitura. No ultimo boletim, Informe Defesa Civil da prefeitura de carangola, foi divulgado a informação da ultima medição do Rio Carangola realizada às 12:00h do dia 07/01/22. Informaram que apesar do volume de chuva, ela está acontecendo de forma espaçada, e isso no traz uma tranquilidade momentânea. O Rio Carangola se encontra em cota de alerta com 2,04m acima de seu nível. Entramos em contato com a assessoria de imprensa da prefeitura para saber quais medidas estam sendo tomadas com relação caso o rio saia de sua calha. De acordo com a informação é que a Defesa Civil tem um plano de contingência que será acionado caso seja necessário e o cenário atual ainda é de monitoramento. Solicitamos uma cópia do plano de contingência municipal mas até o fechamento dessa edição ainda não nos foi fornecido.


Previsões de chuvas continuam para Carangola



Informações atualizadas a qualquer momento no link Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos


Últimas medições em DIVINO Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA)




O que diz o INMET, Instituto Nacional de Meteorologia.


Na manhã dessa sexta-feira 07, o INMET, Instituto Nacional de Meteorologia, também publicou 02 avisos. Um de Grande Perigo iniciando em: 07/01/2022 09:45. Chuva superior a 60 mm/h ou acima de 100 mm/dia. Grande risco de grandes alagamentos e transbordamentos de rios, grandes deslizamentos de encostas, em cidades com tais áreas de risco.. O outro Grau de severidade: Perigo, iniciando em: 07/01/2022 09:50. Chuva entre 30 e 60 mm/h ou 50 e 100 mm/dia, ventos intensos (60-100 km/h). Risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas..



Aviso de:Acumulado de Chuva

Grau de severidade: Grande Perigo

Início:07/01/202209h45min

Fim:08/01/202210h00min

Riscos Potenciais:


INMET publica aviso iniciando em: 07/01/2022 09:45. Chuva superior a 60 mm/h ou acima de 100 mm/dia. Grande risco de grandes alagamentos e transbordamentos de rios, grandes deslizamentos de encostas, em cidades com tais áreas de risco..


Instruções:

  • Desligue aparelhos elétricos, quadro geral de energia.

  • Observe alteração nas encostas.

  • Permaneça em local abrigado.

  • Em caso de situação de inundação, ou similar, proteja seus pertences da água envoltos em sacos plásticos.

  • Obtenha mais informações junto à Defesa Civil (telefone 199) e ao Corpo de Bombeiros (telefone 193).

Áreas Afetadas:

Zona da Mata, Central Espírito-santense, Sul Espírito-santense, Campo das Vertentes, Metropolitana de Belo Horizonte, Noroeste Fluminense, Centro Fluminense, Vale do Rio Doce, Metropolitana do Rio de Janeiro, Norte Fluminense, Baixadas, Oeste de Minas.

Aviso de: Chuvas Intensas

Grau de severidade: Perigo

Início: 07/01/202209h50min

Fim: 08/01/202210h00min

Riscos Potenciais:


INMET publica aviso iniciando em: 07/01/2022 09:50. Chuva entre 30 e 60 mm/h ou 50 e 100 mm/dia, ventos intensos (60-100 km/h). Risco de corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e de descargas elétricas..


Instruções:


  • Em caso de rajadas de vento: (não se abrigue debaixo de árvores, pois há risco de queda e descargas elétricas e não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda)

  • Se possível, desligue aparelhos elétricos e quadro geral de energia.

  • Obtenha mais informações junto à Defesa Civil (telefone 199) e ao Corpo de Bombeiros (telefone 193).

Áreas Afetadas:

Triângulo Mineiro/Alto Paranaíba, Central Mineira, Sul Goiano, Campinas, Oeste de Minas, Sul/Sudoeste de Minas, Campo das Vertentes, São José do Rio Preto, Ribeirão Preto, Leste de Mato Grosso do Sul, Zona da Mata, Baixadas, Centro Fluminense, Vale do Paraíba Paulista, Sul Fluminense, Metropolitana do Rio de Janeiro, Norte Fluminense, Metropolitana de Belo Horizonte, Noroeste de Minas. Informações atualizadas a qualquer momento no link Instituto Nacional de Meteorologia

SIMGE - IGAM

O Sistema de Meteorologia e Recursos Hídricos de Minas Gerais (Simge), órgão vinculado ao Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam) realiza diariamente, e durante todo o ano, a vigilância e a previsão do tempo e do comportamento hídrico no estado como um importante instrumento para o planejamento socioeconômico, prevenção de desastres ambientais e preservação do meio ambiente, emitiu um um alerta nessa sexta feira 07 de janeiro, confirmando a informação de que os acumulados mais significativos deverão ocorrer na mesma orientação podendo ultrapassar os 80 mm, principalmente, entre o Vale do Rio Doce e Zona da Mata.










Nossa equipe segue trabalhando na atualização e verificação das informações para manter a nossa audiência sempre bem informada. Em caso de dúvidas de qualquer material aqui divulgado como links, fontes ou documentos estamos a disposição. Desde já agradecemos a todos aqueles que acreditam e confiam no nosso trabalho e nos colocamos a disposição para o que fizer necessário. Pois Jornalismo sério é feito com responsabilidade.

Por Alex Ferreira JORNALISTA Inclusivo Nas REDES SOCIAIS - Siga: @jornalcarangola








O Jornal Carangola não se responsabiliza por qualquer comentário expresso no site ou através de qualquer outro meio, produzido através de redes sociais ou mensagens.
O Jornal Carangola se reserva o direito de eliminar os comentários que considere inadequados ou ofensivos, provenientes de fontes distintas.
As opiniões são de responsabilidade exclusivamente de seus autores.

FOTO-PERFIL.png
ORÇAMENTO.png

Parceiros

exame.png
mobile-1.png
açougue-fava.png
campestre-branco.png
mauricio padilha.png
FORNO-&CIA.png
projetilar.png
michelle.png
jornal-carangola.png