• Jornal Carangola

Coordenadora Estadual de Defesa da Fauna fala sobre efetividade populacional de cães e gatos


A Coordenadoria Estadual de Defesa da Fauna, do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), buscando uma maior efetividade na defesa dos animais no estado, disponibiliza o Guia Prático de Manejo Populacional de Cães e Gatos, para apoiar os municípios na implantação das políticas públicas. É o que explicou a coordenadora estadual de defesa da fauna e promotora de justiça do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), Luciana de Paula, durante entrevista ao Jornal AMM desta semana.


Durante a sua explanação, ela fala da mudança de comportamento em relação ao manejo desses animais em situação de rua e o esforço empenhado entre MP e municípios para melhorar essa situação.


Segundo Luciana, o informe técnico disponibilizado no site da Coordenadoria explica o que tem que ser feito para se obter o controle populacional de cães e gatos de forma humanitária e ética, sem sacrifício dos animais.  


“Essas publicações foram realizadas através de parcerias com a UFMG, com a World Animal Protection, e fazem parte de um esforço da Coordenadoria Estadual de Defesa da Fauna em apoiar os promotores de justiça que atuam no estado, mas também os municípios. Percebemos que os municípios estão interessados em agir e adotar providências, mas muitas vezes carecem de informações”, destacou.

Além disso, o Programa Regional de Defesa da Vida Animal (Prodevida), promove a capacitação de equipes técnicas das áreas de controle de zoonoses e de controle animal de municípios que firmaram acordo com o Ministério Público para promover o controle populacional ético e humanitário de cães e gatos.“Através dele já foram alcançados cerca de 60 municípios. Identificamos arranjos locais, como associações de municípios, consórcios intermunicipais de saúde e verificamos onde há um cenário favorável para apoiar os municípios na implantação dessa política publica”, explica.

Em conjunto com os promotores da região, o Prodevida busca adquirir e fomentar a aquisição de  unidade móvel de castração, para uso compartilhado entre esses municípios.  Com esse projeto, já foram concedidos 12 castramóveis, gratuitamente.


Luciana também explica que o Prodevida oferece capacitação na área. “Através de uma parceria com o Conselho Regional de Medicina Veterinária de Minas Gerais, nós realizamos uma capacitação na região, trazendo mais detalhes técnicos, e também no nosso blog defesadafauna.blog.br,  disponibilizamos tanto os informes técnicos quanto folders, cartazes que podem ser uteis ao município na realização de ações educacionais”, completa. Fonte: AMM - Associação Mineira de Municípios

O Jornal Carangola não se responsabiliza por qualquer comentário expresso no site ou através de qualquer outro meio, produzido através de redes sociais ou mensagens.
O Jornal Carangola se reserva o direito de eliminar os comentários que considere inadequados ou ofensivos, provenientes de fontes distintas.
As opiniões são de responsabilidade exclusivamente de seus autores.

FOTO-PERFIL.png
ORÇAMENTO.png

Parceiros

exame.png
perfil.png
açougue-fava.png
mauricio padilha.png
FORNO-&CIA.png
projetilar.png
michelle.png
jornal-carangola.png
PURO SABOR FOTO PERFIL.png
0.png
WhatsApp Image 2022-09-26 at 14.05.32.jpeg
dna_estrategico.png
WhatsApp Image 2022-09-26 at 14.05.32 (2).jpeg