• Jornal Carangola

Estado divulga alerta de geada e baixas temperaturas para cidades da Zona da Mata e Vertentes

A previsão do Sistema de Meteorologia e Recursos Hídricos de Minas Gerais é de onda de frio intenso a partir de quarta-feira (28); confira os municípios que serão afetados.



O Governo de Minas divulgou um alerta para novos registros de baixas temperaturas e geadas a partir de quarta-feira (28) em cidades da Zona da Mata e Campo das Vertentes. A previsão do Sistema de Meteorologia e Recursos Hídricos de Minas Gerais é de onda de frio intenso.


A previsão do tempo indica que a mínima de -2 °C pode ser registrada na última semana de julho da Zona na Mata e Vertentes. Atuação de uma massa de ar frio vai causar uma anomalia climática nas regiões.

Os modelos meteorológicos apontam para a ocorrência de temperaturas negativas de forma generalizada no Campo das Vertentes nas madrugadas dos dias 30 e 31 julho, o que deverá provocar geada de média a forte intensidade.

A Defesa Civil de Minas Gerais divulgou um alerta para o declínio da temperatura em até 5 °C abaixo da média, o que oferece risco à saúde. A situação exige maior atenção à população em situação de vulnerabilidade, pois o frio intenso aumenta o risco de hipotermia. (veja orientações abaixo)

Frio no campo

A situação climática preocupa principalmente os produtores rurais que podem acumular prejuízos com os efeitos da geada sobre as plantações. A Epamig e a Embrapa preparam material com recomendações para o levantamento dos danos e ações necessárias.


Por que a geada prejudica a planta?


Existem 2 tipos de geadas, segundo o coordenador de produção agrícola da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Maciel Silva.


Geada branca: camada de gelo formada a partir da intensa redução de temperatura, quando a umidade do ar está elevada.

Geada negra: leva este nome por deixar uma camada escura, devido à queima da planta. Ocorre quando a umidade do ar está muito baixa.


Em ambos os processos, a planta pode morrer de dentro para fora, afirmou Silva. Isso porque ela é composta principalmente por água e, quando este elemento está em estado sólido, ocorre uma expansão do volume, o que, por sua vez, quebra a parede celular.


É o mesmo caso de quando se esquece uma garrafa cheia de água no congelador: ela estufa e pode estourar. No caso da planta, o tecido dela, seja a folha ou a fruta, por exemplo, vai morrer.


Ainda que o cultivo não seja totalmente perdido por causa da frente fria, o dano ocorrido diretamente na folha reduz o potencial de produção.


A razão disto é que o gelo diminui a capacidade de fotossíntese da planta, o que atrapalha transformar a luz solar em energia, o que afeta diretamente a quantidade de frutos a serem produzidos, comentou Silva do CNA.


Além de comprometer folhas e frutos, a geada pode afetar até plantas que estão ainda em crescimento e causar problemas no longo prazo.

Orientações Defesa Civil

A Coordenadoria Estadual de Defesa Civil de Minas Gerais (Cedec) promoveu nesta quarta-feira uma videoconferência com Coordenadores Municipais de Proteção e Defesa Civil (Compdec) para transmitir orientações, com base na frente fria prevista para os próximos dias.


Os Compdecs foram orientados a realizarem ações conjuntas com as Secretarias Municipais de Saúde e de Assistência Social, além de instituições religiosas e filantrópicas.


Na reunião foi destacada a necessidade de atenção especial a idosos, pessoas em situação de vulnerabilidade social e pessoas que têm doenças crônicas. Os animais domésticos e os que se encontram nas ruas também precisam de cuidados.


Os municípios devem acompanhar a evolução da frente fria por meio dos boletins meteorológicos divulgados pelos órgãos competentes e reforçar com a população a importância do cadastro no serviço de alertas da Defesa Civil Estadual. Para se cadastrar, basta que a pessoa envie um SMS (mensagem de texto), contendo o CEP da residência ou local desejado, para o número 40199.


Outras orientações recomendadas pela Defesa Civil Estadual para os Compdecs desenvolverem junto à população residente em localidades com vulnerabilidade social e pessoas em situação de rua no período neste período:

  • Prever e deixar os abrigos/casas de acolhimento destinados à população carente em condições para receber os atingidos, considerando ainda o possível aumento na demanda. Além de estar atentos aos protocolos sanitários frente à pandemia de covid-19;

  • preparar recursos humanos e logísticos para o funcionamento dos abrigos;

  • levantar o número de pessoas afetadas/em situação de rua, com atenção especial aos idosos;

  • prever local para recebimento de doações (distintos dos locais de abrigo) para receber e triar o material arrecadado;

  • realizar campanha junto à comunidade para doação de cobertores, roupas de frio e alimentos não perecíveis;

  • alertar a população quanto aos animais domésticos (abrigá-los nos dias mais críticos).


Cidades afetadas com temperaturas mínimas negativas, com geada de moderada a forte intensidade:

  • Andrelândia

  • Antônio Carlos

  • Barbacena

  • Barroso

  • Belmiro Braga

  • Bias Fortes

  • Bom Jardim de Minas

  • Carandaí

  • Dores de Campos

  • Ewbank da Câmara

  • Juiz de Fora

  • Lagoa Dourada

  • Lima Duarte

  • Olaria

  • Pedro Teixeira

  • Ressaquinha

  • Rio Preto

  • Santa Bárbara do Monte Verde

  • Santa Cruz de Minas

  • Santa Rita do Ibitipoca

  • Santa Rita do Jacutinga

  • Santana do Garambéu

  • Santos Dumont

  • São João del Rei


Cidades afetadas com temperaturas mínimas entre 3º e 7°C, com geada fraca e de moderada intensidade:

  • Alfredo Vasconcelos

  • Alto Rio Doce

  • Aracitaba

  • Barbacena

  • Bicas

  • Carandaí

  • Chácara

  • Chiador

  • Cipotânea

  • Coronel Pacheco

  • Desterro do Melo

  • Dores do Turvo

  • Goianá

  • Guarani

  • Juiz de Fora

  • Lagoa Dourada

  • Mar de Espanha

  • Matias Barbosa

  • Mercês

  • Oliveira Fortes

  • Paiva

  • Pequeri

  • Piau

  • Ressaquinha

  • Rio Espera

  • Rio Novo

  • Rio Pomba

  • Santa Bárbara do Tugúrio

  • Santana do Deserto

  • Santos Dumont

  • São João Nepomuceno

  • Senhora de Oliveira

  • Senhora dos Remédios

  • Silveirânia

  • Simão Pereira

  • Tabuleiro


Cidades afetadas com temperaturas abaixo e em torno dos 10°C e possibilidade de geada fraca:

  • Além Paraíba

  • Argirita

  • Astolfo Dutra

  • Barão do Monte Alto

  • Bicas

  • Carangola

  • Cataguases

  • Chiador

  • Coimbra

  • Descoberto

  • Dona Euzébia

  • Ervália

  • Estrela Dalva

  • Eugenópolis

  • Fervedouro

  • Guarani

  • Guarará

  • Guidoval

  • Guiricema

  • Itamarati de Minas

  • Laranjal

  • Leopoldina

  • Mar de Espanha

  • Maripá de Minas

  • Miradouro

  • Miraí

  • Muriaé

  • Palma

  • Patrocínio do Muriaé

  • Paula Cândido

  • Pirapetinga

  • Piraúba

  • Recreio

  • Rochedo de Minas

  • Rodeiro

  • Santana de Cataguases

  • Santo Antônio do Aventureiro

  • São Francisco do Glória

  • São João Nepomuceno

  • Senador Cortes

  • Teixeiras

  • Tocantins

  • Tombos

  • Ubá

  • Viçosa

  • Vieiras

  • Visconde do Rio Branco

  • Volta Grande

Por Por Fellype Alberto


O Jornal Carangola não se responsabiliza por qualquer comentário expresso no site ou através de qualquer outro meio, produzido através de redes sociais ou mensagens.
O Jornal Carangola se reserva o direito de eliminar os comentários que considere inadequados ou ofensivos, provenientes de fontes distintas.
As opiniões são de responsabilidade exclusivamente de seus autores.

FOTO-PERFIL.png
ORÇAMENTO.png

Parceiros

exame.png
perfil.png
açougue-fava.png
campestre-branco.png
mauricio padilha.png
FORNO-&CIA.png
projetilar.png
michelle.png
jornal-carangola.png
0.png