Buscar
  • Jornal Carangola

Foragidos da Justiça em cidades da Zona da Mata e Vertentes são alvo de operação da Polícia Civil

Operação '#PC27' é realizada em todo país e pretende capturar foragidos por roubo, homicídio e estupro.


Equipes da Polícia Civil estão nas ruas para prender foragidos da Justiça nesta quarta-feira (24) em cidades da Zona da Mata e Campo das Vertentes. A operação "#PC27" foi deflagrada em todo o país nesta manhã.


De acordo com a assessoria da Polícia Civil, até o fim da manhã, foram cumpridos seis mandados de prisão. Um jovem, de 29 anos, e três homens, de 31, 32, e 35 anos, foram em Carangola. Uma jovem, de 25 anos, foi presa em Muriaé e um rapaz, de 24, em Juiz de Fora.


A assessoria não tinha informações sobre os crimes pelos quais todos eram procurados. Não foi informado quantos mandados estão previstos na operação na região. Os presos foram para delegacias e, em seguida, devem ser encaminhados ao sistema prisional.


A operação segue em andamento na região do 4º Departamento da Polícia Civil, na Zona da Mata. Já a assessoria do 13º Departamento da Polícia Civil, em Barbacena, disse que a operação está em andamento na região e que balanço ainda será divulgado.


Operação #PC27


As polícias civis cumprem nesta quarta-feira (24) mandados de prisão no Distrito Federal e nos 26 estados em megaoperação para prender foragidos da Justiça. Foram expedidos mais de 1 mil mandados de prisão e de busca e apreensão. A operação é coordenada pelo Conselho Nacional de Chefes de Polícia Civil. Foram mobilizados 4.600 policiais. O nome da operação é uma referência à padronização de todas as polícias civis das 27 unidades federativas do país.


Os mandados de prisão foram expedidos pela Justiça, após trabalho de investigação. Cada uma das polícias civis fez levantamento de inteligência para a operação.




O Jornal Carangola não se responsabiliza por qualquer comentário expresso no site ou através de qualquer outro meio, produzido através de redes sociais ou mensagens.
O Jornal Carangola se reserva o direito de eliminar os comentários que considere inadequados ou ofensivos, provenientes de fontes distintas.
As opiniões são de responsabilidade exclusivamente de seus autores.

FOTO-PERFIL.png
ORÇAMENTO.png

Parceiros

exame.png
mobile-1.png
açougue-fava.png
campestre-branco.png
mauricio padilha.png
FORNO-&CIA.png
projetilar.png
michelle.png
jornal-carangola.png