Buscar
  • Jornal Carangola

Liberada Torcida Em Estádios Em Minas Gerais, Mas Será Preciso Aval De Prefeituras E Federações



O governo do Estado liberou a presença das torcidas nos estádios de futebol independente de qual onda do Minas Consciente a cidade onde a partida será realizada está incluída. No entanto, há a necessidade do aval das federações e das prefeituras para a realização de jogos com público. A autorização acontece devido ao progresso da vacinação e a melhoria dos indicadores da doença no território mineiro. As mudanças foram deliberadas pelo Comitê Extraordinário Covid-19, nesta quinta-feira (15), e divulgadas pela Secretaria de Estado de Saúde (SES). As alterações, que valem para eventos de natureza esportiva, religiosa, comercial ou social nas cidades que aderiram ao programa estadual, começam a valer em 15 de agosto. As prefeituras têm a palavra final e podem vetar as atividades.

Regras mínimas: • Entrada do evento: aferição de temperatura, controle no fluxo de acesso e acesso com hora marcada; • Distanciamento de 1,5 metros: a ser aplicado em filas, entre cadeiras/assentos e também no cálculo da capacidade; • Apresentação de documento de imunização presumida: cartão de vacinação que comprove imunização completa superior ou igual a 15 dias ou PCR ou laudo médico com positividade para Covid-19 (entre 15 e 90 dias). *É obrigatório comunicar as regras aos participantes e facilitar a devolução do ingresso Por onda: Vermelha • Lotação máxima de 50 pessoas ou 10% da capacidade em ambientes fechados; 30% da capacidade em ambientes ao ar livre; • Duração máxima de 5 horas; • Horário permitido: entre 8h e 21h. Amarela • Lotação máxima de 300 pessoas ou 30% da capacidade em ambientes fechados; 600 pessoas ou 50% da capacidade em ambientes ao ar livre; • Duração máxima de 6 horas; • Horário permitido: entre 7h e 23h. Verde • Lotação máxima de 50% da capacidade em ambientes fechados; sem limite de lotação em ambientes ao ar livre; • Duração máxima de 12 horas; • Sem restrição de horário. Mudanças de ondas A macrorregião de saúde Sudeste vai avançar, neste sábado (17), para a Onda Verde do programa estadual. Na mesma data, Norte e Sul irão para a Amarela. Com as alterações, 12 das 15 regionais estarão posicionadas em níveis mais flexíveis de funcionamento das atividades. Apenas três regiões (Triângulo do Sul, Nordeste e Leste do Sul) se encontram na Onda Vermelha, considerada a mais restritiva. Mesmo assim, o Estado reforçou que nenhuma delas possui cenário epidemiológico desfavorável, o que inviabilizaria, por exemplo, a volta às aulas presenciais. Fonte : Jornal Hoje em Dia

O Jornal Carangola não se responsabiliza por qualquer comentário expresso no site ou através de qualquer outro meio, produzido através de redes sociais ou mensagens.
O Jornal Carangola se reserva o direito de eliminar os comentários que considere inadequados ou ofensivos, provenientes de fontes distintas.
As opiniões são de responsabilidade exclusivamente de seus autores.

FOTO-PERFIL.png
ORÇAMENTO.png

Parceiros

exame.png
mobile-1.png
açougue-fava.png
campestre-branco.png
mauricio padilha.png
FORNO-&CIA.png
projetilar.png
michelle.png
jornal-carangola.png