Buscar
  • Jornal Carangola

Secretaria de Saúde de Carangola oferece tratamento gratuito para quem deseja parar de fumar

A Prefeitura Municipal de Carangola, através da Secretaria de Saúde informa a toda população carangolense, que na próxima quinta-feira dia 5 de dezembro de 2019 dará início a um novo grupo de combate ao Tabagismo.


Todos os interessados que desejam parar de fumar, devem procurar o ESF do seu bairro para fazer sua inscrição. PARAR DE FUMAR É POSSÍVEL.


O tratamento oferecido é gratuito e consiste na participação do usuário nas sessões oferecidas por profissionais capacitados em ajudá-lo.


CONSEQUÊNCIAS DO USO DO CIGARRO


Quem fuma pode ficar dependente da nicotina, substância tóxica presente no tabaco que provoca uma série de doenças graves e fatais, como vários tipos câncer e complicações cardiorrespiratórias. Essa dependência química causada pela nicotina do cigarro e outros produtos como cachimbo, charutos, narguilé e outros é reconhecida como doença pela Organização Mundial da Saúde desde 1997. Além da nicotina, o alcatrão e o monóxido de carbono também são exemplos das cerca de 4.720 substâncias tóxicas existentes na fumaça do cigarro que trazem risco à saúde. O tabagismo ainda pode provocar o desenvolvimento de outras complicações, como tuberculose, úlcera gastrintestinal, impotência sexual, infertilidade em mulheres e homens, osteoporose e catarata.


TRATAMENTO


No Brasil, existe desde 2004 um tratamento para ajudar as pessoas que querem parar de fumar, mas não conseguem. O tratamento é oferecido gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS).


O tratamento completo disponível no SUS envolve métodos que vão desde o aconselhamento até o uso de medicamentos. O tabagista terá acesso a informações, reuniões de apoio, consultas para acompanhamento da saúde e acompanhamento psicológico, se necessário. Caso haja a indicação de apoio medicamentoso, está disponível a terapia de reposição de nicotina, goma de mascar, pastilha e cloridrato de bupropiona. O uso de medicamentos é um recurso adicional no tratamento e deve ser usado, se possível, juntamente com os serviços de apoio, embora eficazes se administradas separadamente. O uso desses medicamentos pode dobrar as chances de um fumante parar de fumar, mas só devem ser usados com acompanhamento profissional.


Maiores informações sobre os locais de atendimento e horários disponíveis de tratamento podem ser encontradas nas unidades de atenção básica e ESFs próximos de casa ou do trabalho ou pelo telefone 3741-9700.


"O primeiro passo para abandonar o tabagismo é decidir, de forma concreta, quando será o primeiro dia sem cigarro. É importante fazer dessa data uma ocasião especial, com uma programação agradável para conseguir se distrair e relaxar. Evite tomar essa decisão em situações que, no geral, possam induzir naturalmente a fumar, como uma festa com os amigos fumantes ou situações onde estará estressado ou ansioso. ” Comenta o Secretário de Saúde Luiz Fernando Fonseca.

Imagem e informações: Prefeitura Municipal de Carangola

O Jornal Carangola não se responsabiliza por qualquer comentário expresso no site ou através de qualquer outro meio, produzido através de redes sociais ou mensagens.
O Jornal Carangola se reserva o direito de eliminar os comentários que considere inadequados ou ofensivos, provenientes de fontes distintas.
As opiniões são de responsabilidade exclusivamente de seus autores.

FOTO-PERFIL.png
ORÇAMENTO.png

Parceiros

exame.png
mobile-1.png
açougue-fava.png
campestre-branco.png
mauricio padilha.png
FORNO-&CIA.png
projetilar.png
michelle.png
jornal-carangola.png