Buscar
  • Jornal Carangola

"A união faz a força" - Prefeitura, demais autoridades e voluntários se unem em prol de Carangola

A exatamente a um ano atrás brumadinho sofria com rompimento de uma barragem.


Desde o dia 24 de janeiro, quando o nível do Rio Carangola subiu 3,80m, a Prefeitura vem somando todos os esforços para enfrentar lado a lado, junto aos carangolenses, as inúmeras dificuldades advindas de mais uma enchente, que há 11 anos, desde 2009, não abatia mais sobre Carangola.

E desde o domingo, 25 de janeiro, quando o nível do Rio atingiu seu pico, subindo 5,97m., causando inúmeros prejuízos à cidade, desalojando 2.284 pessoas e desabrigando 17 famílias, a Prefeitura tem trabalhado para atender, da melhor maneira possível, a todos os atingidos e restabelecer a rotina do comércio local.


< CLIQUE NAS LATERAIS DAS FOTOS >

Imagens exclusivas: Vinícius Barbosa - @drone.mineiro | @viniciusbarbosa4

Todos os esforços continuam sendo somados, não apenas no sentido de disponibilizar maquinários para a limpeza da cidade, como também no de reunir uma grande força de trabalho, junto ao funcionalismo público do Município e voluntários carangolenses, que sempre se unem em momentos como esse e são incansáveis colaboradores.

Até o momento, para enfrentar o desafio da retirada de um inacreditável volume de entulho e também da lavação das ruas, a Prefeitura colocou 17 caminhões caçambas, 07 retroescavadeiras, 04 pás carregadeiras, uma escavadeira e 03 caminhões pipa nas ruas da cidade e no distrito de Lacerdina um dos locais mais atingidos.

Paralelamente, montou uma força tarefa reunindo mãos-de-obra das Secretárias Municipais de Meio Ambiente, Obras e Agricultura, além do atendimento das Secretarias de Educação, Assistência Social e Saúde, com distribuição de água, consultas e medicamentos, inclusive, na Varginha de baixo, Lacerdina, São Manoel do Boi e em Ponte Alta, que também foram atingidos.


A limpeza das ruas tem sido feita com o recolhimento de entulhos e lavação, com caminhão pipa e varrição simultânea.

Muitas vezes, os serviços ficam um pouco mais lento, devido a diversas circunstâncias, mas a avaliação tem sido bastante positiva, principalmente, considerando que a ajuda que Carangola sempre recebeu dos Municípios vizinhos, dessa vez não foi possível acontecer, uma vez que também foram afetados.


< CLIQUE NAS LATERAIS DAS FOTOS >

Além das frentes de trabalho da prefeitura, o auxílio imensurável dos Secretários Municipais, da Defesa Civil De Carangola, Oficiais do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais - 2°Pelotão Muriaé, Polícia Militar de Carangola, Polícia Civil, Tiro de Guerra 04-002 (Carangola), do Sub Ten. Jerônimo representante da Defesa civil do Estado, entre outras autoridades foram indispensáveis para essa força tarefa.

Um fator principal que continua afetando diretamente o trabalho dessa força tarefa são os motoristas que não estão efetivamente prestando algum tipo de auxílio às vítimas das enchentes, e que ficam transitando pelas ruas principalmente a passeio. O fluxo desnecessário de veículos nessas áreas está prejudicando demais essa operação.

A ajuda e a colaboração dos moradores continua sendo de fundamental importância para uma limpeza satisfatória para todos, o mais breve possível.

"A união faz a força". Vivamos intensamente essa verdade para retomarmos a rotina de nossa cidade e virarmos mais essa página de nossa história, escrita com a mesma garra e o mesmo otimismo que sempre nortearam a todos nós, carangolenses! ” Comenta o Prefeito, Paulo Pettersen.

Confira aqui nossos dados oficiais, coletados e confirmados pelas equipes do Corpo de Bombeiro de Muriaé e Defesa Civil estadual e Municipal atualizados 16h00, 29 janeiro de 2020.

• Total de Desabrigados: 45 • Total de Desalojados: 2284 • Famílias Desabrigadas: 17 • Famílias Desalojadas: 901 • Imóveis desocupados: 58 • Óbitos: 01

Contamos hoje 29 de janeiro, com uma frente de trabalho de: • 17 Caminhões • 03 Maquinas Carregadeiras • 01 Máquina Escavadeira • 07 Máquinas Retroescavadeiras • 03 caminhões Pipa • 57 profissionais na frente de limpeza e recuperação da cidade, além de diversos voluntários que não foi possível de contabilizar.

Finalizando a nota, a assessoria de Imprensa da Prefeitura de Carangola, agradeceu em nome daqueles que sofreram com essa calamidade, a todos por estarem contribuindo com doações e voluntarismo, e principalmente a paciência dos seus leitores e cidadãos carangolenses pelo tempo que foi necessário para apuração e confirmação de todos dados. Fonte: Prefeitura Municipal de Carangola Fotos: Vinícius Barbosa - @drone.mineiro | @viniciusbarbosa4 Vídeo: Washington Peron - @deoperon | @facebook.com/washington.peron

O Jornal Carangola não se responsabiliza por qualquer comentário expresso no site ou através de qualquer outro meio, produzido através de redes sociais ou mensagens.
O Jornal Carangola se reserva o direito de eliminar os comentários que considere inadequados ou ofensivos, provenientes de fontes distintas.
As opiniões são de responsabilidade exclusivamente de seus autores.

FOTO-PERFIL.png
ORÇAMENTO.png

Parceiros

exame.png
mobile-1.png
açougue-fava.png
campestre-branco.png
mauricio padilha.png
FORNO-&CIA.png
projetilar.png
michelle.png
jornal-carangola.png