top of page
  • Foto do escritorJornal Carangola

Tragédia nas Estradas de Minas Gerais: palco de uma batalha diária pela vida. Minas perde uma vida a cada 18 acidentes rodoviários



Em 2023, a cada 18 acidentes nas estradas mineiras, uma vida era ceifada. Essa estatística cruel revela a urgente necessidade de medidas para tornar o trânsito mais seguro. As rodovias estaduais se destacam como as mais perigosas, com um óbito a cada 14 ocorrências, enquanto as vias sob responsabilidade das prefeituras apresentam um índice menor, com uma morte a cada 70 acidentes.


Um cenário preocupante:


• 38.698 acidentes: o maior número desde 2019.

• 2.055 mortes: um aumento de 2,7% em relação a 2022.

• 22.508 feridos: um aumento de 4,6% em relação a 2022.

• Precariedade das rodovias: falta de investimentos em conservação e modernização.

• Sinalização deficiente: um fator que contribui para os acidentes.

• Excesso de velocidade: uma das principais causas de mortes no trânsito.


Estradas estaduais: sob risco constante:


• 54% dos acidentes: o maior índice entre as diferentes categorias de vias.

• Falta de investimentos: o DER-MG precisa de modernização e atualização.

• Precariedade da infraestrutura: pistas estreitas, falta de acostamento, sinalização deficiente.

• Alto volume de veículos de carga: contribui para o desgaste das vias e aumenta o risco de acidentes.


Um problema multifacetado:


• Falta de fiscalização: intensificar a fiscalização e punir os infratores.

• Educação no trânsito: conscientizar os motoristas sobre os perigos da imprudência.

• Melhoria da infraestrutura: investir em modernização e conservação das vias.

• Políticas públicas eficazes: ações coordenadas para reduzir os acidentes e salvar vidas.


Um chamado à ação:


O Estado precisa assumir a responsabilidade pela segurança nas estradas. Investir em infraestrutura, fiscalização e educação no trânsito é crucial para salvar vidas e prevenir tragédias. A sociedade civil também deve se mobilizar e cobrar ações efetivas das autoridades.


Por @alexferreira.dna | Fique Informado⤵️

Comments


O Jornal Carangola não se responsabiliza por qualquer comentário expresso no site ou através de qualquer outro meio, produzido através de redes sociais ou mensagens.
O Jornal Carangola se reserva o direito de eliminar os comentários que considere inadequados ou ofensivos, provenientes de fontes distintas.
As opiniões são de responsabilidade exclusivamente de seus autores.

49.png

Parceiros

exame.png
sicredi 2.gif
2.png
mauricio padilha.png
FOTO PERFIL.png
projetilar.png
LOGOS AYA 2.png
sicredibotucarai_1705112161896.jpeg
PURO SABOR FOTO PERFIL.png
sicredibotucarai_1699012659833.jpeg
sinergiasolar1_1699029985861.jpeg
sicredi_1705671512067.jpeg
sicredibotucarai_1705112184178.jpeg
FOTO-PERFIL.png
jornalcarangola_1705119737294.jpeg
PERFIL.png
bottom of page