• Jornal Carangola

INSS: confira quem recebe até R$ 7.087,22 ainda nessa semana

Milhares de brasileiros aguardam pelo repasse dos benefícios do INSS. Os pagamentos de junho terminam nessa semana, então não deixe a oportunidade passar e veja quando poderá receber.




Começa nesta quinta-feira, 7, o repasse dos benefícios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) referente ao mês de junho. A ordem de pagamento segue o número final do cartão do beneficiário, então fique atento. Segundo dados do INSS, mais de 36 milhões de brasileiros têm valores a receber.


Os pagamentos começaram no dia 24 de junho sendo feitos aos aposentados e pensionistas do instituto. A finalização de todo o calendário será no dia 7, quinta-feira. Além do número final do cartão, o órgão também prioriza o pagamento de quem recebe até um salário mínimo de benefício, para só depois iniciar para quem ganha mais do que isso, até chegar ao teto de R$ 7.087,22.



Repasse dos benefícios

Para saber quando haverá o repasse dos benefícios, os segurados do INSS estão fazendo a consulta pelo telefone 135 entre 7h e 22h. Outras formas de consulta são o site do instituto ou aplicativo Meu INSS, que é muito prático e intuitivo. É preciso sempre informar os dados pessoais, como o número do CPF, além de outras informações cadastrais.


Quem fizer a consulta pela internet precisa procurar pelo extrato de pagamento, pois nele estarão todas as informações sobre o pagamento.


Para os beneficiários que recebem até um salário mínimo e conforme o último número do benefício aponta, quem tem o final 8 receberá no dia 5 de julho. Os beneficiários de final 9 estarão com o dinheiro liberado na quarta-feira, dia 6. E por último, quem conta com 0 como o dígito final receberá no dia 7 desse mês.

Para quem ganha benefícios de maior valor, acima de um salário mínimo, o pagamento é da seguinte forma:


Último número do benefício – Data do pagamento

3 e 8 5 de julho 4 e 9 6 de julho 5 e 0 7 de julho


De acordo com informações do INSS, mais de 60% dos beneficiários recebem apenas um salário mínimo, ou seja, a maior parte recebe logo na primeira rodada de pagamento.


Por: Gabriela Pena


OFERECIMENTO:


O Jornal Carangola não se responsabiliza por qualquer comentário expresso no site ou através de qualquer outro meio, produzido através de redes sociais ou mensagens.
O Jornal Carangola se reserva o direito de eliminar os comentários que considere inadequados ou ofensivos, provenientes de fontes distintas.
As opiniões são de responsabilidade exclusivamente de seus autores.

FOTO-PERFIL.png
ORÇAMENTO.png

Parceiros

exame.png
perfil.png
açougue-fava.png
campestre-branco.png
mauricio padilha.png
FORNO-&CIA.png
projetilar.png
michelle.png
jornal-carangola.png
BAILE-DA-INDEPENDÊNCIA-TODOS-finalizado.png